sexta-feira, 8 de março de 2013

Estacionamento na Esplanada de Brasília?


Em época de discussão a respeito da obra subterrânea que está sendo pensada para o canteiro central da Esplanada dos Ministérios em Brasília, me vem muito claro à mente o PATH ou Underground de Toronto.

Toronto é a capital financeira do Canadá. Situa-se as margens do Lago Ontário e por isso mesmo possui um clima frio na maior parte do ano, principalmente nos meses de inverno, quando os termômetros ficam sempre abaixo de zero, com mínimas variando entre -30°C e 0°C. O vento interfere ainda mais para uma sensação térmica de mais frio, pelo próprio desenho ortogonal das ruas do centro que se tornam corredores de ventos. No verão há muita umidade, chuvas e as variações de temperatura são menores, com máximas variando geralmente entre 20°C e 30°C.

Para fugir desse clima rigoroso, ou muita chuva ou muito frio, desde os anos 60 Toronto possui o PATH. São 28 quilômetros de vias subterrâneas que se desenvolvem sob todo o centro da cidade, ligando os subsolos dos principais hotéis, prédios executivos ou públicos – são vários pavimentos com mais de 1200 lojas, serviços, cinemas, restaurantes, várias vagas de estacionamento, com interligação com o metrô e acesso para várias ruas/pontos na superfície (access point). A temperatura lá embaixo é controlada, mas a sensação não é de subterrâneo. Tudo parece um grande shopping, com grandes domus de iluminação natural.

No caso de Brasília, não temos frio, não temos neve e nem muita chuva. Mas nosso grande problema também é o clima: ao contrário de Toronto, nosso clima é extremamente seco e quente, fica mais ameno apenas no verão quando chove um pouco, mesmo assim o calor é extremo como estamos passando agora com temperaturas rondando os 30°C.

Fora os caixas de bancos, normalmente presentes em todos os ministérios, qualquer outro serviço que se necessite, só pode ser encontrado na Rodoviária ou no Shopping Conjunto Nacional mais próximo. Para os ministérios que estão no começo da Esplanada isso representa no mínimo uns 800m de caminhada. Para os que estão mais distantes, nem pensar em caminhar debaixo de sol quente, é mais de 1km e meio. Então tem que enfrentar o trânsito e ir de carro.

Já imagino um Path aqui embaixo da Esplanada. É certo que não há como fazer um grande domus envidraçado por causa das questões de tombamento pelo patrimônio. Mas há outras soluções. Tenho certeza os arquitetos encontrariam várias sugestões para que isso pudesse ser feito sem influenciar o desenho original da cidade.

Quem trabalha na Esplanada dos Ministérios como eu, sabe o quanto é complicado chegar, sair, estacionar ou almoçar por aqui. Como seria bom ter, aqui pertinho, toda essa comodidade, com caminhos pela sombra e ar condicionado. Serviria de passagem e comunicação entre os blocos de lados opostos da Esplanada. Lugares onde pudéssemos satisfazer algumas necessidades imediatas sem gastar muito tempo: um lanche, comprar um remédio, colocar uma carta no correio, fazer algumas compras na saída do expediente.

A sustentabilidade está no fato de, em vez de cada ministério tentar resolver seus próprios problemas de forma isolada, repetindo soluções e multiplicando gastos, adotar uma solução única que poderia resolver o problema de todos. Eliminando inclusive os problemas gerados pelos vários restaurantes nos edifícios dos ministérios, que acarretam não só problemas de custos, mas principalmente de manutenção.

A solução deveria contemplar também integração com o metrô ou algum transporte público. Assim nem precisaria ter tanto estacionamento porque todo mundo iria preferir utilizar o transporte. No horário do almoço não precisaríamos perder tempo no trânsito, poderíamos ficar por aqui mesmo onde teríamos várias opções. Até o trabalho poderia render melhor. Tudo de bom.

Continuo sonhando com algo parecido.
Fotos da autora.
Visão da abrangência
 






Plataforma de acesso aos vários andares

Instalações aparentes





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adoraria saber sua opinião a respeito.
Seu comentário será muito apreciado.

2leep.com