segunda-feira, 12 de maio de 2014

Utilização de Contêineres

Projeto utilizando contêineres é realmente uma tendência que vem ganhando terreno a cada dia pela rapidez de montagem e o baixo custo.

Os contêineres são objetos de estrutura de aço extremamente fortes, porém leves, de dimensões variadas e peso reduzido que podem ser facilmente realocados já montados e reutilizados para fins residenciais ou corporativos. Todos os contêineres são fabricados obedecendo a uma padronização e permitem ser empilhados em até 12 unidades quando vazios.

A utilização é positiva porque além de se aproveitar um material nobre que seria descartado, gera economia de recursos naturais que não vão ser utilizados numa obra comum como areia, tijolo, cimento, água, etc. Obra limpa com redução de entulho.

Outras vantagens são a economia na execução da fundação que pode ser do tipo rasa (o peso da estrutura é leve) e a facilidade de adaptação ao perfil do terreno, minimizando as questões de terraplenagem.

Por serem objetos de descarte, devem receber tratamento adequado que consiste em limpeza, reparo de falhas e descontaminação. Como são feitos de aço, são ótimos condutores de calor sendo necessário um bom isolamento térmico para que as chapas metálicas não transformem o ambiente criado em um forno. Depois disso é que vão ser readequados ao novo uso recortando portas e janelas, para serem transportados e descarregados na posição correta para utilização. As unidades são então conectadas com um sistema de engate e pintadas com tinta capaz de protegê-las da ferrugem.

Por ser um material cujo manuseio e corte exige mão-de-obra especializada, isso pode encarecer um pouco os custos que, mesmo assim, ainda continua sendo inferior do que de uma obra tradicional.

De acordo com o site da Metálica, os contêineres usados podem ser comprados em empresas de transporte por US$ 1.200,00 cada e mesmo quando novos, não custam mais de US$ 6.000,00.

Mas toda concepção perfeita pode se transformar num pesadelo se a arquitetura não avaliar o impacto visual e a impressão sensorial que uma intervenção urbana pode causar no usuário. Cuidado para que a arte não se transforme numa pilha de caixas que ameaçam desmoronar.

 
Casa em Curitiba -PR

Container City na Inglaterra
Hotel do escritório chines OVA Studio com 14 andares



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adoraria saber sua opinião a respeito.
Seu comentário será muito apreciado.

2leep.com