terça-feira, 4 de outubro de 2011

Intervenção em Ronchamp

A capela de peregrinação de Notre-Dame du Haut projetada por Le Corbusier em 1955 é um ícone da arquitetura mundial, em Ronchamp.

A forma da capela descrita freqüentemente como barcos, mãos em oração ou tumbas megalíticas, na análise da obra arquitetônica do autor corresponde na verdade à uma interpretação da Acrópole de Atenas com seus espaços abertos locada sobre a montanha em relação a eixos definidos pela paisagem externa.
Ronchamp

Sketch de Le Corbusier

Acrópole de Atenas
Localizada no alto de uma colina, a capela recebe romarias desde o século 7. Durante a segunda guerra mundial, a construção foi parcialmente destruída pela artilharia. Convidado a reconstruir o edifício, Le Corbusier manteve as pedras da construção antiga e recobriu o conjunto com um manto de concreto pintado de branco. O campanário, inaugurado em 1975, é de Jean Prouvé.

Um projeto de Renzo Piano para reformulação da área considerou essa importância da implantação e da paisagem para não colocar em risco a harmonia e a coesão de todo entorno. Devido ao fato de que toda da área ao redor da capela ser tombada pelo patrimônio, os argumentos do projeto são muito ligados à história e à memória coletiva do local, além de defender a paz espiritual que reina na colina.

O projeto contempla a substituição da casa da portaria, um novo monastério para freiras da Ordem das Clarissas e alterações paisagísticas, projetadas pelo francês Michel Corajoud. Os edifícios são semi enterrados nas encostas ao redor da capela foram implantados em patamares para não interferir na vista. Desde a capela vê-se apenas as coberturas rodeadas de vegetação e ampliando a área verde.

Engenheiros florestais auxiliaram a estudar o local e as espécies nativas para poder replantar-las, e organizar o acesso, principalmente de veículos, que hoje chegam em uma área cimentada ao lado da obra de Corbusier.

Apesar dos vários argumentos e protestos contra e a favor a obra foi inaugurada agora em setembro.

Fonte: PiniWeb
Celas de reflexão em concreto e fachadas envidraçadas

Sala de descanso

As construções foram posicionadas de modo a não obstruir a vista da capela

Um comentário:

  1. Ione, excelente post!! Acabei de voltar de Roma... Estava com amigos arquitetos e disse a eles que gostaria de visitar a capela de Ronchamp agora em novembro! Eu nem tinha conhecimento desta intervenção. Agora aumentou mais a minha vontade de visitar esta obra prima! Obrigado por compartilhar!! Beijo!

    www.disegnoamilanesa.blogspot.com

    ResponderExcluir

Adoraria saber sua opinião a respeito.
Seu comentário será muito apreciado.

2leep.com